, , ,

Remédio para Artrose e Artrite (Natural)


Indicado para tratamento de casos de artrite e artrose com uso dos fitoterápicos, especialmente desenvolvido para tratamento de doenças reumáticas com propriedades analgésicas e anti-inflamatórias.

Apresentação: Frasco contendo 90 cápsulas gelatinosas

R$61,00

Simulação de frete


O Remédio para Artrose e Artrite (Natural) foi especialmente desenvolvido para tratamento de doenças reumáticas, com fitoterápicos que contém propriedades analgésicas e anti-inflamatórias, proporcionando de forma natural a melhora da dor.

Na composição do Remédio para Artrose e Artrite (Natural) encontramos:

SUCUPIRA – Popularmente utilizada no combate ao excesso de ácido úrico do corpo, amigdalite, artrite, asma, blenorragia, diabetes, dor de garganta, dores espasmódicas, feridas, hemorragias, inflamações, reumatismo

GARRA DO DIABO – Utilizada pelos nativos africanos em doenças como o reumatismo, diabetes e afecções renais e hepáticas. Os tubérculos da Garra do Diabo são indicados nos reumatismos, nas artrites reumatosas, nas artroses, nas bursites, nas fibromialgias, nos espasmos gastrintestinais, nas dispepsias hiposecretoras e nos traumatismos. Seu uso permite reduzir as doses dos corticóides e antiinflamatórios não esteroidais utilizados nestas afecções. Esta droga vegetal possui uma ação anti-inflamatória, analgésica, antiespasmódica, sedativa e estimulante digestivo.

UNHA DE GATO – Utilizada na produção de anti-inflamatórios. Possui efeitos benéficos no tratamento de amigdalites, artrite, sinusite, bursite, rinite e problemas digestivos. A planta também é benéfica para o tratamento de doenças reumáticas e musculares, principalmente na terceira idade. Atualmente, a unha-de-gato está sendo estudada no tratamento de doenças como o câncer e a Aids, em razão de seu poder modulador do sistema imunológico.

ERVA BALEEIRA – Indicada para dores musculares, nevralgias, contusões, tendinites, Reumatismos, artrite reumatoide, Gota, Problemas gastrointestinais. Em avaliação da atividade antinflamatoria e das propriedades antialérgica das substancias extraídas das folhas de Cordia verbenácea em animais, mostraram redução do edema e outros efeitos associados à inflamação.

ARNICA – São atribuídas a Arnica propriedade anti-inflamatória, analgésica, cicatrizante, antisséptica, antimicrobiana, fungicida, anti-histamínica, cardiotônica e colagoga. A Arnica é muito empregada localmente como um anti-inflamatório bastante eficaz, sendo atribuída sua atividade farmacológica principalmente pela ação de seu óleo essencial.

 

  • Principais Indicações do Remédio para Artrose e Artrite (Natural):
    • – Tratamento de artrite, artrose, osteoartite;
    • – Dores articulares e na coluna;
    • – Inflamações articulares;
    • – Excesso de ácido úrico;
    • – Tendinites;
    • – Fibromialgias;
    • – Hérnia de disco.

Modo de Usar: Uso oral – Tomar 1 cápsula 3 vezes ao dia – Café da manhã, almoço e jantar.

Peso 78 g
Dimensões 10 × 7 × 7 cm

1-) Codigo: 4182

2-) Nome: Fórmula Artrite e Artrose

3-) Descrição: Indicado para tratamento de casos de artrite e artrose com uso dos fitoterápicos

            3.1-) Apresentação: Frasco contendo 90 cápsulas gelatinosas

 

4-) Informações sobre o produto:

            4.1-) Para que serve?

A fórmula Artrite e Artrose foi especialmente desenvolvida para tratamento de doenças reumáticas, com fitoterápicos que contém propriedades analgésicas e anti-inflamatórias, proporcionando de forma natural a melhora da dor. Em sua composição, está presente:

 

SUCUPIRA – Trata-se de uma árvore que mede de 8 a 16 metros de altura, apresentando tronco de 30 a 50 centímetros de diâmetro. As folhas são compostas pinadas, com 9 a 21 folíolos pubescentes. A Sucupira é popularmente utilizada no combate ao excesso de ácido úrico do corpo, amigdalite, artrite, asma, blenorragia, cistos ovarianos e no útero, debilidade orgânica, dermatoses, diabetes, dor de garganta, dores espasmódicas, feridas, hemorragias, inflamações, reumatismo, sífilis e vermes. Possui, também ação coadjuvante no tratamento do câncer, além de ser um ótimo tônico. Em Homeopatia é indicada para tratamento de úlceras cancerosas, alguns tipos de eczemas, cravos nos pés, vegetações sifilíticas, reumatismo, diabete, hemorragias e blenorragia.

 

GARRA DO DIABO – Nativa da África do Sul e Leste da África, a Garra do Diabo é uma planta vivaz com tubérculos grandes e globosos. Suas flores possuem a forma de uma trombeta, de cor violácea ou vermelha, frutos cobertos de farpas rígidas, os quais se tornaram famosos por serem utilizados nas armadilhas para capturar animais selvagens. O odor de seus tubérculos, os quais constituem a droga vegetal é forte e característico e um sabor adstringente e amargo. Foi somente em 1958 que suas propriedades farmacológicas foram confirmadas e desde então o seu emprego medicinal tomou expansão. Era utilizada pelos nativos africanos em doenças como o reumatismo, diabetes e afecções renais e hepáticas. Os tubérculos da Garra do Diabo são indicados nos reumatismos, nas artrites reumatosas, nas artroses, nas bursites, nas fibromialgias, nos espasmos gastrintestinais, nas dispepsias hiposecretoras e nos traumatismos. Seu uso permite reduzir as doses dos corticóides e antiinflamatórios não esteroidais utilizados nestas afecções. Esta droga vegetal possui uma ação anti-inflamatória, analgésica, antiespasmódica, sedativa e estimulante digestivo. O sitosterol inibe a síntese da prostaglandina-sintetase, a qual participa no processo inflamatório, sendo muito utilizado em processos inflamatórios semicrônicos e crônicos. Os glicosídeos amargos iridóides possuem ação aperitiva e colagoga. O harpagosídeo possui ação antiespasmódica.

 

UNHA DE GATO – a unha de gato possui mais de 50 princípios ativos, sendo alguns mais comuns e de maior importância terapêutica. O primeiro e o mais estudado é um grupo de alcalóides oxindólicos (rinocofilina, mitrafilina, isoteropodia A, pterodifina, isorincofilina, isomitrafilina) que demonstrara propriedades de estímulo imunitário e antileucêmico. Outro grupo de compostos, chamados glicósidos oxindólicos e triterpenos do ácido quinóvico demonstraram ações anti-inflamatórias e antivirais. Os compostos antioxidantes (taninos, catequinas, polifenóis e procianidinas A, B1, B2 e B4), assim como os esteróis da planta estão ligados às suas propriedades anti-inflamatórias. Uma classe de compostos conhecidos, os fitosteróis (b-sitosterol, estigmastelrol, campesterol isolados), que são encontrados na unha de gato, são documentados com propriedades imunoestimulantes, anti-inflamatórias, anticancerígena e reparadora das células. A casca de U. tomentosa contém triterpenos polihidroxilado (saponinas triterpenoidicas) de efeitos anti-tumorais carcinoma-Ehrlich, esteróides (β-sitosterol, stigmasterol e campesterol) suaves inibidores da síntese do colesterol e moderado antiflamatório, taninos para feridas e psoríase, 7 glicósidos do ácido quinóvico (QAG’s) com função anti-inflamatória. Em U. guianensis os flavonóides e as proantocianidina (tanino) são antioxidantes. A unha-de-gato é uma planta nativa da Amazônia e que, segundos estudos publicados no início de 2009, pode ser utilizada para medicamentos contra os sintomas da dengue. A unha de gato já é utilizada na produção de anti-inflamatórios. Possui efeitos benéficos no tratamento de amigdalites, artrite, sinusite, bursite, rinite e problemas digestivos. A planta também é benéfica para o tratamento de doenças reumáticas e musculares, principalmente na terceira idade. Atualmente, a unha-de-gato está sendo estudada no tratamento de doenças como o câncer e a Aids, em razão de seu poder modulador do sistema imunológico. Possui ação no cérebro como estimulante da memória, prevenindo o Alzheimer. Possui propriedades antimicrobianas e atua como protetor celular e antioxidante.

 

ERVA BALEEIRA – É uma planta nativa em quase todo Brasil principalmente no litoral, comum também na floresta tropical atlântica. É um arbusto ereto, perene, muito ramificado, aromático, com a extremidade dos ramos pendente e hastes revestidas por casca fibrosa, com altura de 1,5-2,5 metros em média. Suas folhas são simples, alternas, coriáceas, aromáticas, medindo de 5-9cm de comprimento. Possui flores pequenas brancas, dispostas em inflorescências racemosas terminais de 10-15 cm de comprimento. Ocorre em abundância em solos arenosos e em áreas de restinga. A Erva baleeira é indicada para dores musculares, nevralgias, contusões, tendinites, Reumatismos, artrite reumatoide, Gota, Problemas gastrointestinais. Em avaliação da atividade antinflamatoria e das propriedades antialérgica das substancias extraídas das folhas de Cordia verbenácea em animais, mostraram redução do edema e outros efeitos associados à inflamação. Inibiu atividades mieloperoxidase, bradiquinina, substância P, da histamina e do fator de ativação de plaquetas. Estudos com os componentes sesquitérpenicos alfa humuleno e trans – cariofileno demonstraram uma redução da produção do fator de necrose de tumor TFNα, da interleucina IL-1β, da prostaglandina PGE2, do oxido nítrico sintase, da cicloxigenase cox -2. Os transcariofilenos também exerce efeito semelhante, mas não inibe a interleucina IL-1β.

A Substância humuleno encontrada no óleo essencial de Cordia verbenácea apresenta atividade antinflamatória em alergias respiratória reduzindo os mediadores da inflamação, da expressão de moléculas de adesão e de ativação de fatores de transcrição (INFy, IL5, CCL11, NF-kB).

 

ARNICA – A Arnica é oriunda das regiões montanhosas da Europa, encontrada até 2000 metros acima do nível do mar, onde é muito difícil a sua cultura. De porte herbáceo, medindo de 50 a 70 centímetros de altura, a Arnica é uma planta vivaz, de folhas basilares reunidas em roseta à superfície do solo, ligeiramente consistentes, ovais e verde-claras na página inferior; o fruto é um aquênio subcilíndrico, quase preto, pubescente e com papilho branco; o rizoma é oblíquo e castanho. O capítulo floral constitui a droga vegetal. As flores tubuladas são mais numerosas, hermafroditas, e se dispõem na parte central do receptáculo; o ovário, o papo e o estilete são semelhantes aos das flores liguladas. A corola, de mais ou menos 0,5 cm de comprimento, é tubular, alargada na parte superior, de cor amarelo-alaranjada, com cinco lóbulos recurvados para fora e apresentam externamente na base, pêlos brancos. A arnica apresenta odor fraco, aromático, agradável, e sabor acre e amargo. São atribuídas a Arnica propriedade anti-inflamatória, analgésica, cicatrizante, antisséptica, antimicrobiana, fungicida, anti-histamínica, cardiotônica e colagoga. Em Homeopatia é o grande remédio do traumatismo, um grande tônico muscular, dentre outras aplicações. A Arnica é muito empregada localmente como um anti-inflamatório bastante eficaz, sendo atribuída sua atividade farmacológica principalmente pela ação de seu óleo essencial. Com relação a helenina e a dihidrohelenamina têm demonstrado em animais de laboratório, propriedades anti-inflamatórias através da inibição da síntese de prostaglandinas pelo bloqueio da enzima prostaglandin-sintetase. Esta propriedade anti-inflamatória estaria reforçada pela presença de carotenóides, flavonóides e sais de manganês. Por outro lado, os ésteres do ácido cafêico e clorogênico, muitos abundantes na família das Compositae têm demonstrado inibir a via clássica do complemento. As lactonas sesquiterpênicas evidenciaram um bom efeito contra eczemas, ao inibir a fosforilação oxidativa dos polimorfonucleares e sua emarginação e ao mesmo tempo impedem a ruptura das membranas lisossomais. A presença de polissacarídeos heterogllicanos de alto peso molecular, que contêm ácidos urônicos, conferem propriedades imunoestimulantes de acordo com experiências realizadas com animais in vivo e in vitro. O conjunto de flavonóides e álcoois sesquiterpênicos provoca um efeito hipotensor inicial para logo transformar-se em hipertensor.Os flavonônicos astragalosídeo, isoquercitrosídeo e quercetol-3-licogalactourônico evidenciaram, em modelos animais, efeitos cardiotônicos. Os ácidos cafêico e clorogênico têm demonstrado em diferentes ensaios ação antibacterianas e antimicótica (refrorçada pelas lactonas sesquiterpênicas e o pentainomonoeno) e efeito colerético (reforçado pelo óleo essencial e pelos flavonóides). Os taninos proporcionam a já conhecida ação adstringente, aumentando desta forma a resistência das mucosas.

 

            4.2-) Principais Indicações?

  • – Tratamento de artrite, artrose, osteoartite;
  • – Dores articulares e na coluna;
  • – Inflamações articulares;
  • – Excesso de ácido úrico;
  • – Tendinites;
  • – Fibromialgias;
  • – Hérnia de disco.

 

            4.3-) Contra Indicações?

Gravidez e lactação, pacientes com úlceras gástricas e duodenais, intestino irritável e litíase vesicular, afecções hepáticas, e hipersensibilidade a algum dos componentes contidos na fórmula. Pacientes transplantados devem evitar o uso da unha de gato, devido à possibilidade de produzir rejeição. Contudo, a venda é realizada sob prescrição de profissional habilitado, podendo este ser o nosso farmacêutico de acordo com a Resolução 586/2013 do Conselho de Farmácia. Consulte-o!

 

            4.4-) Referências Bibliográficas

  • – Literatura do Fornecedor
  • – BATISTUZZO J.A.de O. Formulário médico Farmacêutico 3ª ed. São Paulo: Pharmabooks Editora, 2006.

 

5-) Composição:

  • Sucupira – 100mg
  • Garra do diabo – 100mg
  • Unha de gato – 100mg
  • Erva Baleeira – 100mg
  • Arnica – 100mg
  • Excipiente qsp – 1 cápsula

 

6-) Modo de Usar: Uso oral – Tomar 1 cápsula 3 vezes ao dia – Café da manhã, almoço e jantar.

7-) Validade: 6 meses

8 -) Advertências:

1. Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado.
2. Imagens meramente ilustrativas.
3. É necessário uma dieta e exercícios físicos para auxiliar a redução de peso.
4. Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem ingerir o produto.
5. Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.
6. Não use o medicamento com o prazo de validade vencido. Qualquer dúvida entre em contato com a Biopharma.
7. Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem.
8. Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.
9. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica.
10. O uso do medicamento durante o período de amamentação também não é recomendado.
11. Este medicamento não pode ser partido ou mastigado.
14. Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica.
15. “SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTA

Perguntas e respostas

Ainda não há perguntas.

Faça uma pergunta

Sua pergunta será respondida pela loja ou por outro cliente.

Agradecemos sua pergunta!

Mail

Sua pergunta foi recebida e será respondida em breve.

Erro

Warning

Ocorreu um erro ao gravar sua pergunta. Entre em contato com o administrator do site. Informações adicionais:

Adicionar uma resposta

Agradecemos sua resposta!

Mail

Sua resposta foi recebida e será publicada em breve.

Erro

Warning

Ocorreu um erro ao gravar sua pergunta. Entre em contato com o administrator do site. Informações adicionais: